terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Alice foge do país das Maravilhas


Pintura de PN - a primeira em alguns anos de interregno.

Desejo a todos os Amigos , Visitantes e Seguidores, uma Quadra Festiva com todos os ingredientes para que se sintam menos sós, menos abandonados, mais acompanhados pelos familiares, amigos, conhecidos e outros próximos! Fiquem em Paz!
PN

10 comentários:

AC disse...

Assim, de repente, poderá ser muita coisa, Pedras. O mais óbvio será a mãe com o o menino, mas há muito mais na forma como traças, como pintas, como transportas transportas para a tela as ruas dúvidas, as tuas inquietações...
Fico-me por aqui, o tempo é de apaziguar fantasmas.
Desejo-te um envolvente Natal, Pedras!

Como sempre, na boa, um beijinho :)

Manuel Luis disse...

Diferente da história já conhecida, desta vez Alice, vai para a tela através do pincel de PN onde pinta a cena quando está prestes a ser pedida em casamento perante centenas de socialistas. Ela então foge, seguindo um coelho azul, e vai parar ao País das Maravilhas, um local que ela visitou há dez anos que foi Portugal. Aqui conhece personagens como os Gatos Risonhos, as Lagartas, as tartarugas azuis, toma chá com a Lebre Maluca e o Chapeleiro Louco e participa num jogo de pingue pongue com o pincel de PN. Licitado com mil beijos.

Fê blue bird disse...

Amiga, o que eu me ri a ler o comentário do Manuel :)
Também depois de algum anos retomei este gosto.

Uma tela intrigante , sinceramente não vejo a Alice penso a tela revela só o país das maravilhas.
Amiga,desejo que o teu Natal seja cheio de luz, de paz, de alegria, de saúde, mas sobretudo com muito amor, sabedoria e optimismo.
Feliz Natal!

Um beijinho

AC disse...

Voltei para rever a tua Alice.
Segui as tuas pistas e... tens razão, se Lewis Carroll voltasse teria que reformular a sua Alice.

Um beijinho :)

Existe Sempre Um Lugar disse...

Votos de Feliz Natal
AG

A Casa Madeira disse...

É o pais das maravilhas...
Dá para imaginar o que queremos...
Gostei das cores.
Boa continuação de boa semana.
janicce.

Jaime Portela disse...

Gostei imenso desta tua tela. És uma pintora de mão cheia.
PN, minha querida amiga, tem um bom fim de semana.
E um NATAL MUITO FELIZ, na companhia dos que te são mais queridos.
Beijo.

Existe Sempre Um Lugar disse...

A melhor saída é seguir em frente com motivação.
Bom Ano Novo 2016
AG

Manuel Luis disse...

Um excelente Ano Novo.
Com carinho.

Maria Lopes da Silva disse...

Porque o País das maravilhas é um pássaro gigante de plumas aparentemente sedosas, mas... quando o vemos de perto é uma ave de rapina. De garras afiadas para nos dizimar. Por isso a ardilosa Alice - anda que menina - fugiu, recuou, esgueirou-se. Esta pintura remete-me para Armanda Passos que, na sua obra, antropomorfizava aves. Eu tinha um quadro dela e todas a crianças que me visitavam tinham medo desse quadro. Porquê? Porque era a "décalage" do País das Maravilhas. E elas desiludiam-se. "Não existe?" E o ovo gigante? E os olhos de Alice? E a viagem para um extraordinário mundo desconhecido? Game over!!! A vida é um pássaro de asas paralisadas e, para o fazer voar (esvoaçar que seja) há que ser louco, atrevido, aventureiro. Ousar... ousar viver com todos os riscos que comporta! Beijinhos. Perdoarás se este não foi o comentário que esperavas, mas sou repentista e as emoções fluem mais depressa que o correr da pena. Que pena! Poderia ser mais moderada, mais acomodada, mais contida, mas sou extrovertida e reajo de forma repentina. Contumazmente repentina. É o sorver do instante. É o olhar do momento. É.... a sede de viver e transformar a vida. Felizmente há a arte, que nos faz sonhar e sentir que ainda há País das Maravilhas. E, juro-te que há. É preciso é ser artista.... como tu, PN. Maria Lopes da Silva