sábado, 2 de outubro de 2010

A mãe veio para me punir severamente...(berros,gritos,palmadas)

16 comentários:

AC disse...

Berros, gritos e palmadas que não conseguem disfarçar a ternura...

Beijo :)

Blog da Anabela Jardim disse...

Oi! Vim te visitar. Por trás de todo braveza de uma mãe há sempre muito amor para dar.

Multiolhares disse...

As crianças precisam de saber que há limites, mas não é com esse comportamento, não é preciso se gritar para educar, com amor respeito e saber dizer não na hora certa as crianças entendem
Bj

EDER RIBEIRO disse...

Qdo os gritos começam é sinal de ninguém tem razão e morto estes os sentimentos. Bjos.

Cadinho RoCo disse...

A mão veio pra punir mas pra unir também, pegar e tocar insinuar e acariciar, acenar e...
Cadinho RoCo

Barbara disse...

Coisas de mãe, coisas de filho.
A mais bravia aventura.

Petrus Monte Real disse...

Pedrasnuas,
... mas não foi capaz. Tudo não passou de um temporário desnorte!
É verdade, por vezes, nós, os pais, sentimos dificuldade em manter o equilíbrio no papel de educadores. Ser pai também se aprende. Nenhum nasce ensinado, tem que aprender com o próprio filho. É esta mútua aprendizagem [nem sempre fácil!]que permite colmatar os eventuais erros ou falhas no desempenho do poder/dever paternal. Creio que os nossos filhos, através de pequenos gestos, nos dão a entender essa necessidade. Temos que estar atentos. A imagem é disso bem elucidativa!

Beijos

Lilá(s) disse...

Com essa carinha larocas...duvido das palmadas, só imagino beijinhos...~
Bjs

uminuto disse...

porque ser mãe é educar, repreender, ensinar a viver...tudo isto associado ao imenso amor que o coração de mãe alberga.
um beijo

▒▓█► JOTA ENE disse...

ººº
Pura arte e representação, será?

Manuela Freitas disse...

Mas será que isso resulta? As crianças não ficarão mais rebeldes?
Nunca usei esses métodos, nem coragem tinha para isso! Há outros métodos de educação!
Beijinhos,
Manuela

Lualinda disse...

Há outras formas com resultados mais satisfatórios de educação, mas sei que a intenção da sua mãe foi boa.

Um beijo!

Pedrasnuas disse...

LUA LINDA...ÉS SEMPRE BEM VINDA!

DOIS BEIJOS

Fê-blue bird disse...

Como é que ainda não tinha vindo aqui :-(
O que tenho perdido, mas acho que ainda venho a tempo de lhe dar os parabéns pelos excelentes blogues que tem.
Obrigada também pelo apoio que me tem dado no " A Voz das Palavras".
Vou continuar por aqui :-)

Beijinhos

Brown Eyes disse...

Que fez ele para ser castigado? A mãe não punia sem razão, pois não? Beijinhos

Vanuza Pantaleão disse...

Berros, gritos e palmadas pouco resolvem. O diálogo com os filhos ainda é o melhor caminho.
Gostei, amiga!
Meu carinho!!!